Profissional de educação física: auxílio na realização de exercícios é indispensável

Primeiro de setembro marca a comemoração do Dia do Profissional de Educação Física

As atividades físicas estão intrinsecamente vinculadas com a qualidade de vida da população em geral. Entretanto, tão importante quanto a realização do exercício em si, é dispor da orientação de um especialista qualificado que vai providenciar a elaboração de um treinamento físico seguro e eficaz. Dentre várias outras práticas, o profissional de educação física é responsável por monitorar a execução de atividades físicas, diminuindo riscos e garantindo o melhor desempenho possível. 

Formação

Ao longo das últimas décadas, o profissional de educação física foi deixando de ter uma formação mais centrada no conhecimento prático para estender-se pela construção cientifica teórica. Expandindo rapidamente sua área de atividades e, assim, assumindo um papel essencial na prevenção e tratamento de várias doenças, tal qual no bem-estar geral da população. Diante disso, estes profissionais foram reconhecidos como Profissionais da Saúde e regulamentados profissionalmente pela aprovação da Lei 9.696/1998. 

Atualmente, o curso de Educação Física encontra-se dividido em licenciatura e bacharelado, cada um com sua área de operação definida. Da mesma forma que o licenciado, os bacharéis em Educação Física irão trabalhar orientando os indivíduos, porém, detendo de metodologias e localidades de atuação variadas. Ambas as alternativas de formação estão presentes em clínicas, projetos sociais, na educação básica, centros de reabilitação física e outros. 

Academias de ginástica e clínicas

A presença de bons educadores físicos nas academias de ginástica é capaz de afetar os resultados e a dedicação empregue pelos alunos. Primeiramente, o profissional físico avalia a situação do indivíduo, para que seja possível levar em consideração suas especificidades físicas e mentais na hora de elaborar a rotina de treinos. Além do monitoramento, o instrutor desses locais também oferece suporte psicológico, motivando o aluno a superar limites e manter-se focado.

No ambiente clínico, estes profissionais exercem atividades que, a priori, parecem muito semelhantes com as de um fisioterapeuta. Contudo, cabe aos profissionais de educação física criar rotinas de exercícios (musculação ou aeróbicos) para ajudar na preparação e recuperação de pacientes. Os serviços podem ser ofertados em unidades básicas de saúde, núcleos de saúde integrada, hospitais e centros de reabilitação física

Desde os primeiros passos

O profissional que optar pela licenciatura em Educação Física poderá trabalhar como docente na Educação Básica, com um papel primordial no crescimento dos alunos, já que a prática de atividades físicas desde a infância auxilia o desenvolvimento do sistema nervoso central, além de colaborar com a aptidão psicológica e social. 

O professor de Educação Física está capacitado para elaborar aulas e programas de treinamento adaptados para as necessidades dos alunos, entendendo a importância do esporte enquanto forma de socialização. Este profissional precisa dispor de sensibilidade para considerar e compreender as necessidades de cada fase do desenvolvimento infantil, ou qualquer outro estágio da vida colegial. 

DEIXAR RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Por favor digite seu nome