Coronavírus | Coreia do Sul reporta maior aumento de casos desde abril

40 infecções foram registradas enquanto aproximadamente dois milhões de estudantes sul coreanos retornam às aulas presenciais

A Coreia do Sul registrou 40 novas infecções nesta quarta-feira (27). Esse foi o maior número de casos confirmados em 49 dias, quando o país reportou 53 infectados no dia 8 de abril. Entre os casos registrados, pelo menos 36 estão relacionados com um surto que aconteceu no centro logístico operado pela empresa de comércio eletrônico Coupang, localizada em Bucheon, cidade satélite da capital Seul. 

A Coupang realiza serviços de entrega para compras de supermercado e outros produtos. Segundo a empresa, as instalações foram fechadas na segunda-feira para realizar diversas medidas de desinfecção recomendadas pelas autoridades. Aproximadamente 3.600 trabalhadores do local estão sendo testados e o primeiro caso foi identificado no sábado. 

O governo acredita que o centro de operações não seguiu medidas básicas de distanciamento social e higiene. De acordo com o canal de notícias Al Jazeera, investigações estão sendo realizadas para apurar essas suspeitas. A empresa nega qualquer acusação, afirmando que todos os funcionários usavam máscaras e luvas, além de terem suas temperaturas checadas diariamente.

O episódio levou o prefeito de Bucheon, Jang Deog-cheon, a decretar novamente o distanciamento físico obrigatório na cidade. Até o momento, o país teve 11.265 infecções confirmadas e 269 casos fatais 

Escolas voltaram a funcionar recentemente

As restrições implementadas na Coreia do Sul para combater a pandemia de Covid-19 começaram a ser flexibilizadas. Na segunda fase do cronograma de reabertura das escolas, estima-se que dois milhões de estudantes sul coreanos voltaram a ter aulas presenciais. 

Os professores e funcionários foram treinados para lidar com qualquer surto da doença. Contudo, as instituições de ensino localizadas em áreas de risco vão continuar fechadas. A expectativa é que até o dia 8 de junho todos os estudantes tenham retornado para as escolas. 

Medidas de proteção tomadas pelo país

A Coreia do Sul teve uma das melhores respostas mundiais em relação a pandemia. As autoridades executaram testes em massa e fizeram um rastreamento das pessoas infectadas para impedir a transmissão. 

DEIXAR RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Por favor digite seu nome