Brasil ficou na 55ª posição do Índice de Desempenho Ambiental 2020

Dados são coletados através de organizações internacionais, institutos de pesquisa, instituições de ensino e agências governamentais

O Índice de Desempenho Ambiental, ou em inglês Environmental Performance Index (EPI), é um método desenvolvido com a finalidade de avaliar e classificar as políticas de conservação ambiental implantadas nos 180 países selecionados. A classificação, publicada a cada dois anos, baseia-se nos estudos feitos pela Universidade Columbia, em Nova Iorque, e pela Universidade de Yale, em Connecticut.

O topo do ranking foi ocupado pela Dinamarca, seguido por Luxemburgo, Suíça, Reino Unido e França. Uma série de fatores extremamente importantes são responsáveis por colocar esses países nas primeiras posições. Neles, o sistema educativo colabora com a conscientização da responsabilidade ecológica que cada um possui. Além de influenciar a utilização de energia renovável e a prática da agricultura sustentável, entre outros aspectos. 

A avaliação do Brasil resultou na 55ª posição. No ranking, os Estados Unidos ficaram na 24ª colocação e a China encontra-se bem abaixo, na 120ª posição. Ambos são os países que mais emitem gases de efeito estufa no mundo. 

Sobre o Índice de Desempenho Ambiental

Esse ano, o EPI 2020 foi divulgado no dia 4 de junho em comemoração a semana do meio ambiente. Segundo os pesquisadores, a pontuação utiliza apenas os dados mais recentes disponíveis e calcula como esses valores mudaram nas últimas décadas. Contudo, informações relacionadas a eventos como os incêndios na Austrália e Amazônia, assim como a atual pandemia de Covid-19, não entraram no índice de 2020. 

Todos os dados são coletados através de organizações internacionais, institutos de pesquisa,  instituições de ensino e agências governamentais. No total, o índice conta com 32 indicadores de performance que estão divididos entre 11 categorias. Os desenvolvedores esperam que o EPI possa ser usado como uma ferramenta de apoio entre as nações, ajudando os esforços de cada uma para alcançar os objetivos de sustentabilidade das Nações Unidas (ONU). 

DEIXAR RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Por favor digite seu nome